Parceria entre Educação e Saúde Mental do Escolar

quarta-feira, 16 de abril de 2014

Níveis de escrita

Fonte:  Contribuições teóricas de Emília Ferreiro e Ana Teberosky
            Autora: Angela Freire
            Secretaria Municipal de Educação e Cultura - Salvador-BA
            http://www.educacao.salvador.ba.gov.br 


Essa postagem é em homenagem às colegas pedagogas e às mães com formação na mesma área, que colaboraram sobremaneira para que a interface entre educação e saúde mental flua suavemente, com apoio mútuo.

www.koonjtalpur.wordpress.com

 Os níveis de escrita, de acordo com a Psicogênese da Língua Escrita (Emília Ferreiro e Ana Teberosky) são os seguintes:

1)ESCRITA PRÉ-SILÁBICA: as crianças ainda não compreendem a natureza do sistema alfabético; elas entendem a grafia como ideias, e não como sons.
a)Representação Icônica - expressão do pensamento através de desenhos, ou seja, escrever seria o mesmo que desenhar.
cavalo
tomate
pão





b)Representação Não Icônica - além do uso da expressão do pensamento através de desenhos, há uso de garatujas (ou rabiscos); início do conceito de escrita, mas, sem reconhecimento das letras do alfabeto e do seu valor sonoro.

cavalo
tomate

pão





c)Letras Aleatórias - conhecimento de algumas letras do alfabeto, mas, as mesmas são utilizadas aleatoriamente, pois não há qualquer ligação entre a fala e a escrita. 


CAVALO = AMTOEL        TOMATE = ARMSBD        PÃO = ATROCDG

d)Realismo Nominal - a criança acha que os nomes das pessoas e das coisas têm relação com o porte (tamanho) das mesmas.
Ao ler palavras e orações, não marca a pauta sonora.

     BOI é uma palavra GRANDE              FORMIGUINHA uma palavra PEQUENA

e)Leitura de palavras e orações sem marcação da pauta sonora.
 

 2)ESCRITA SILÁBICA:
a)Escrita Silábica - a criança pensa que a escrita representa a fala (início da fonetização), onde ela tenta fonetizar a escrita, além de dar valor sonoro às letras. 
a.1)sem valor sonoro - a criança escreve uma letra ou um sinal gráfico para representar uma sílaba, sem se preocupar com o valor sonoro correspondente.

CAVALO= BUT           TOMATE= RTO           PÃO= TU
 
a.2)com valor sonoro: a criança uma letra para cada sílaba, utilizando letras que correspondem ao som da sílaba.

CAVALO= CVL / AAO / AVO / CAL   
TOMATE= TMT / OAE / TAT / OME
PÃO= PU / AO
 
b)Escrita Silábica-Alfabética - a criança alterna escrita silábica (sílaba incompleta) com escrita alfabética (sílaba completa).

CAVALO = CVALU
TOMATE = TMAT
PÃO = PA
O CAVALO PISOU NO TOMATE = UCVALUPZONUTMAT

c)ESCRITA ALFABÉTICA: a criança faz a correspondência entre fonemas (som) e grafemas (letras). Ela compreende que as letras se articulam para formar palavras. Escreve como fala, não percebendo as regras ortográficas.

CAVALO = KAVALU
TOMATE = TUMATI
PÃO = PAUM
O CAVALO PISOU NO TOMATE = UKAVALU PIZONU TUMATI 
 



Nenhum comentário:

Postar um comentário